5 Critérios para Você Escolher um Supletivo à Distância

A educação a distância vem proporcionando opções para que as pessoas possam concluir os estudos num tempo muito menor e com a qualidade necessária. Isso se dá graças ao poder da internet que oferece todas as condições para que a educação aconteça independente da distância entre alunos e professores.
 
E se você está disposto a recomeçar através de um supletivo, é importante saber que a sua escolha requer uma série de cuidados. Ainda mais quando se trata de um supletivo a distância. Escolher um curso qualquer, além de não ser benéfico para o seu crescimento enquanto pessoa, fará você jogar um bom dinheiro fora.
 
Pensando em te ajudar, separamos 5 critérios que devem ser levados em conta no momento de escolher um supletivo online.
 
 
1) Antes mesmo de começar a considerar um curso a distância, verifique se você tem a disciplina necessária para estudar por conta própria.Cursos a distância tem propostas muito atraentes. Podemos estudar a partir de nossas casas. Podemos progredir no curso conforme nosso trabalho. Mas qualquer curso a distância exige disciplina do aluno. 
Disciplina até maior do que em um curso presencial, afinal, não terá nenhum professor te cobrando prazos ou estipulando como fazer. Além disso, a pessoa deve correr atrás para tirar suas dúvidas. Enfim, para ser aluno de um supletivo a distância, é necessário que o próprio aluno tenha iniciativa. Sem isso, recomendamos que pare por aqui e procure um curso presencial.
 
2) Se possível, converse com alguém que já fez algum supletivo a distância. As experiências de uma outra pessoa pode ser útil para ajudá-lo a escolher o curso correto.
3) Consulte no site da secretaria de educação de seu estado ou cidade se o curso em questão possui registro legal e se é reconhecido pelo governo.
 
 
4) Entre em contato com a instituição, seja por email ou por telefone. Pergunte sobre como funciona o curso. Pergunte sobre prazos, forma de pagamento, conteúdo, se tem validade junto ao governo, etc. O fato de poder conversar com alguém de forma facilitada já expõe se a instituição é confiável ou não. Ao menor sinal de dificuldade na comunicação com a instituição, desista e procure outra.
 
5) Verifique se no site tem a metodologia, forma de avaliação e a forma que o conteúdo é passado (vídeos, apostilas, etc.). Se possível, procure algum material disponível gratuitamente no site. É importante ter conhecimento sobre a forma que será apresentado o conteúdo. Este passo é fundamental para evitar desistências no meio do curso.
 
Share on Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário